Sbt Bahia: Apresentador do ‘Na Mira’ acusa promotor de justiça

Publicado: 17 de abril de 2009 por audienciaonline em audiencia, audiencia da tv, audiencia de tv, audiencia e tv, audiencia na tv, famosos, ibope, noticias, record, sbt, televisão, tv, Uncategorized

                 

Jorge Gauthier | Redação CORREIO

Durante a edição desta quinta-feira (16) do programa ‘Na Mira’, da Tv Aratu, o apresentador Uziel Bueno questionou a ação do Ministério Público Estadual que solicita a retirada do seu programa do ar afirmando que um dos promotores que ajuizou a ação teria ligações com emissoras concorrentes.

Uziel referiu-se ao fato do promotor Almiro Sena (Cidadania) assinar uma coluna sobre direitos humanos no site da Tv Itapoan. ‘ Isso que ele falou não tem fundamento. Ele usou desse argumento porque está desesperado por estarem ferindo os direitos humanos com as matérias veiculadas na programação’, disse o promotor ao CORREIO.

O promotor alegou que não tem nenhuma ligação comercial com a emissora concorrente. ‘ Apenas uso a coluna como instrumento para complementar meus trabalhos como promotor de justiça. Eu e a outra promotora, Isabel Adelaide Moura (Criminal), ajuizamos a ação porque ficamos estarrecidos com a forma como o programa trata as pessoas’, completou.

O juiz Manuel Bahia, que acolheu a liminar solicitada na ação civil pública que o MP ingressou na Justiça, determinou ontem que o programa fosse suspenso da programação e que somente deveria voltar ao ar quando estivesse amoldado ‘aos dispositivos legais do ordenamento jurídico’.

De acordo com Cristiano Caldeira, gerente de programação da TV Aratu, a emissora ainda não foi comunicada oficialmente sobre a decisão do juiz e por isso ainda manteve a exibição do programa nesta quinta-feira.

Com relação a isso, o promotor afirmou que o oficial de Justiça já esteve duas vezes na emissora para entregar a determinação, mas sequer passou da recepção. ‘Amanhã ele voltará à Tv Aratu e caso não seja recebido, vamos entrar com outras formas de comunicação para que o programa seja imediatamente retirado da grade de programação’, disse Almiro.

Ao ser questionado sobre a denúncia do apresentador sobre os interesses do promotor na ação, Caldeira afirmou que ‘a empresa TV Aratu não irá se pronunciar sobre o caso até que seja comunicada oficialmente’. Além disso, ele afirmou que o setor jurídico da emissora já está preparando a defesa para entrar com uma liminar judicial assim que for comunicada sobre a decisão.

Falando dos outros programas concorrentes ( Que Venha o Povo, da Tv Aratu e Se Liga Bocão, da Tv Itapoan), que estariam sendo beneficiados com a decisão de suspensão do ‘Na Mira’, o promotor garantiu que ‘todos os programas estão sendo analisados. O ‘Na Mira’ foi o primeiro porque tem situação mais crítica, mas os outros também serão sinalizados em breve’.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s